segunda-feira, 4 de junho de 2012

Sobre o tributo



"Digam o que disserem, o mal do século é a solidão. Cada um de nós imerso em sua própria arrogância, esperando por um pouco de afeição."

Em tempos de frieza e sucesso efêmero, eis que o passado volta à tona para nos lembrar de como construímos nossa própria história. E como toda boa história, a minha tem trilha sonora, músicas gritantes sobre amor, medos, indignação e solidão.

Por muitas vez
es, Legião Urbana foi tema de momentos introspectivos, em que eu tentava me entender. Parecia que ele me entendia melhor que eu mesma. Aquele poeta, já morto, se tornava tão presente em minha vida a ponto de me fazer desejar apenas um encontro. Nunca vi Renato em ação, e dinheiro nenhum pode realizar este sonho impossível. Mas ontem, quando Wagner Moura subiu ao palco, acompanhado de Marcelo Bonfá e Dado Vila Lobos, remanescentes legionários, meu coração explodiu de felicidade. Era verdade, todo aquele sentimento guardado por tanto tempo.

A Legião Urbana existe, para mim que a conheci depois do fim, e para todas aquelas pessoas presentes, e juntas formávamos um coro uníssono. Ao longo das 26 músicas, muitos pensamentos passaram por mim. Lembranças e pessoas. E quando as duas músicas do álbum A Tempestade foram tocadas, não pude conter as lágrimas. De alívio, de emoção, de pura felicidade.

Wagner Moura desafinou, o microfone falhou, a guitarra ficou fora do compasso. Mas críticas alheias à parte, quero deixar a minha opinião sobre este evento inesquecível. Enquanto ator, ele cantou com todo o coração, com a alma, atributos dos quais estamos carentes. Ele se entregou totalmente àquele sentimento que unia todos. Wagner foi generoso, afinal, não era ele a estrela do espetáculo. Nem Dado e Bonfá. Nem a memória de Renato, sempre presente. A verdadeira Legião Urbana somos nós. E aquele show foi pra mim, foi pra cada um, que ainda faz com que nada tenha acabado.

E na saída da "aula" foi estranho e bonito, todo mundo cantando baixinho...

Sobre o show Tributo à Legião Urbana, que aconteceu dia 29/05 em São Paulo.

Um comentário:

  1. NOVO OLHAR SOBRE A MATEMÁTICA,
    http://www.ufpa.br/beiradorio/novo/index.php/leia-tambem/124-edicao-93--abril/1189-novo-olhar-sobre-a-matematica

    Quem quiser material, fazer capacitação, etc, é gratuito, peça: jbn@ufpa.br

    ResponderExcluir